segunda-feira, outubro 18, 2010

do bom sossego

talvez te espere no fim do dia de amanhã
para me acompanhar
rumo ao futuro que daremos em nossas vidas

- por do sol que repousa debaixo do teu travesseiro de areia -

quem sabe eu me deixe naufragar
em cada grão de tua sábia nobreza...

Um comentário:

Didi. disse...

liiiiindooo.