terça-feira, novembro 27, 2007

das gotas já nem orvalho mais
apenas ouço o leve passo
insistente e sem muito gosto
de tudo que não me apraz
embora saiba que compreendia
de que lado se perdia o meu oposto

[e o céu nublado mostrava seu enredo
eu que antes tinha medo
hoje só esqueço de falar.]

Um comentário:

Andréa disse...

hmmm...

Os medos sao figurinhas toscas quando já não nos ameaçam.

É sempre bom olhar pra eles do alto, e ameaçar pular em cima da cara deles. XD

ahsuahsusahua